Abertas inscrições para seminários de recuperação de áreas degradadas na bacia do Taquari

Campo Grande (MS) – Estão abertas as inscrições para os Seminários “Recuperação de Áreas Degradadas com Enfoque no Manejo Integrado da Sub-Bacia Hidrográfica do Rio Taquari”. Os eventos fazem parte do Projeto “Capacitação para o Desenvolvimento Sustentável na Bacia Hidrográfica do Rio Taquari”, desenvolvido pela Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar) por meio dos órgãos vinculados Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul) e Agraer (Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural) e com apoio do Ministério do Meio Ambiente.

Serão realizados dois seminários técnicos: um em Corumbá no dia 26 e outro em Coxim no dia 30 de novembro, visando aprofundar o debate sobre a recuperação de áreas degradadas, apresentar os resultados de ações de recuperação já conquistados na região e engajar o público alvo para a realização de futuras ações em prol da continuidade do processo de recuperação da Bacia Hidrográfica do Rio Taquari.

O seminário de Corumbá será realizado no Centro de Convenções do Pantanal de Corumbá Miguel Gómez, localizado na Rua Domingos Sahib, nº 570 – região do Porto Geral. Já o seminário de Coxim acontece na Câmara Municipal, localizada na Rua João Pessoa, nº 130 – Centro da cidade.

Palestrantes

Os eventos contarão com palestrantes de renome como José Felipe Ribeiro e Ricardo Ribeiro Rodrigues. José Felipe Ribeiro é biólogo com doutorado em Ecologia pela University of California (DAVIS). É pesquisador da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, atuando no momento na Embrapa Cerrados, e é professor credenciado no programa de Botânica da Universidade de Brasília. Tem experiência na área de Ecologia, com ênfase em Biodiversidade, atuando principalmente nos seguintes temas: biodiversidade, fitossociologia, biogeografia, propagação e recuperação e restauração de ambientes ripários e de Cerrado.

Já Ricardo Ribeiro Rodrigues é biólogo com doutorado em Biologia Vegetal pela UNICAMP e professor e pesquisador da Universidade de São Paulo (ESALQ). Atua como chefe do Departamento de Ciências Biológicas desde 2001 e coordenador do Laboratório de Ecologia e Restauração Florestal (LERF/LCB/ESALQ/USP), onde realiza o Programa de Adequação Ambiental e Agrícola de Propriedades Rurais. Também é orientador na pós-graduação da Universidade Estadual de Campinas (programa Biologia Vegetal) e na Universidade de São Paulo (programas: Recursos Florestais e Ecologia Aplicada). Tem experiência em ecologia de ecossistemas, florística e ecologia de florestas naturais e restauração ecológica de áreas degradadas.

Sugestões

Para o diretor-presidente do Imasul, Ricardo Eboli (que participará dos dois eventos), essa é a oportunidade da sociedade se inteirar sobre os trabalhos em desenvolvimento para recuperar o rio Taquari e dar sua contribuição com sugestões. O técnico da Agraer Oscar Serrou Camy Júnior, que vem trabalhando no projeto desde o início, comemora o êxito alcançado até aqui e enfatiza a importância do trabalho conjunto para se chegar a bom termo. Oscar possui formação em Engenharia Agronômica pela Universidade Federal de Mato Grosso, com especialização de Manejo de Solos do Cerrado pela Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul e experiência profissional na administração e gerência de propriedade rural familiar e na realização de ações de manejo e recuperação de áreas degradadas.

A inscrição nos seminários é gratuita, porém as vagas são limitadas. Os primeiros inscritos receberão material promocional do evento: bolsa de banner, caneca, cartilha, bloco de anotações e caneta.
Os interessados em participar dos seminários podem fazer sua inscrição no site do Imasul, onde também estão disponibilizadas as programações e demais informações: http://www.imasul.ms.gov.br/seminario-sobre-recuperacao-de-areas-degradadas/

As inscrições online para o seminário em Corumbá ficarão abertas até dia 20 de novembro, e para o evento em Coxim, até dia 22. Restando vagas, serão disponibilizadas inscrições nos locais dos eventos até o início das atividades.